Katheryn, eu te amo! <3

katy

Hoje, aos que não sabem, é o dia do fã. E eu, como fã assumida da minha querida Katheryn, não poderia deixar de dizer algumas coisas. Pra começo de conversa esse lance de ser fã ( na maioria das vezes ) não é encarado de uma forma boa na nossa sociedade, as vezes ( na maioria das vezes de novo ) você é tratado com um bobo iludido por admirar alguém. Mas não é exatamente sobre isso que vim falar, e sim contar sobre o que sinto exatamente pela Katy.

Bom, há uns 5 anos eu comecei a escutar muito a música I kissed a girl, e de cara me apaixonei pela batida e pela voz doce e ao mesmo tempo agressiva daquela cantora. Fiquei meses que nem uma louca em busca do nome da cantora ou da música, eu precisava ouvi-la todos os dias. Foi então que uma amiga me disse que o nome da artista era Katy Perry e que ela já tinha bombado outro sucesso. Conheci naquele dia  Hot and Cold, aí foi paixão eterna. Não muito tempo depois bombou Waking up in Vegas, e meu coração continuou derretendo, mas sem gerar grandes interesses. Até que numa manhã ensolarada nasceu California Girls, ouvi, assisti o clipe e pensei: Essa mulher é demais! Eu fiquei totalmente fascinada pelo clipe, pelo cenário, pela voz, pela simpatia que ela exalava, por tudo. Passei a acompanhar o lançamento de cada single daquele cd, e assim, como numa passe de mágica quando eu vi já tinha o cd Teenage Dream nas mãos, umas 5 revistas com a Katy na capa e já sabia quase tudo sobre a vida dela. Sempre gostei muito de música, e de todo tipo de música, mas nunca havia me identificado e gostado com todas as músicas de um único artista, e isso aconteceu com a  Katy. Não houve um trabalho dela que eu não amasse, que não me deixasse arrepiada ou com vontade de sair cantando alto por aí. Admiro suas músicas, seu estilo (ou seus estilos) e sua história, mas passei a admira-la de forma ainda mais intensa depois de ver o filme Katy Perry – Part of Me. Assisti no cinema e juro que chorei feito criança, é uma sensação que eu nunca vou conseguir explicar e que provavelmente as pessoas nunca entendam, mas que vou me lembrar pra sempre. Conforme a história dela foi sendo contada naquelas cenas, parecia que eu sentia tudo que ela sentia. Eu sentia orgulho de tudo que ela havia conquistado, eu sentia felicidade por ver que ela estava realizada por ter chego onde chegou, eu sentia tristeza e raiva quando a via chorar de desespero, e mais do que isso eu sentia que havia escolhido a artista perfeita pra admirar. Depois de sair daquela sala de cinema eu saí com a percepção de que ela não era só música, clipes criativos e bem produzidos e roupas coloridas cheias de doce. Ela é humana. Ela tem sentimentos, ela ri, ela chora, ela tem gases, ela tem momentos de seriedade, ela perde o controle, ela fica cansada, ela é tão humana quanto eu sou. O que nos difere é a fama, é a localização geográfica e o dinheiro. Isso me fez sentir ainda mais próxima dela. Porque a Katy tem uma dose extra de loucura nas veias, ela fala o que pensa sem deixar de ser educada, e ela não tem vergonha de ser estranha e de fazer coisas estranhas e até normais. Ela quer se divertir e sobretudo ser feliz. Ela corre atrás dos sonhos e nos inspira a fazer o mesmo. Ela é derrubada mas sempre se levanta e segue em frente, com esperança. Ela tem dentro dela um pouco do que eu tenho dentro de mim, e tem também no coração aquilo que eu queria ter. E hoje me vejo aqui, com todos os seus cd’s lançados, com praticamente todas as revistas em que já apareceu, com todos os dvd’s, um livro com sua história, pôsters e com muita, mas muita admiração. Fico aqui com o desejo de poder ter sido a melhor amiga da Katy, porque deve ser divertido demais estar com ela. Mesmo que ela não saiba da minha existência, as letras dela me fazem bem, me alegram o coração e eu não abro mão do que me faz feliz. Já perdi as vezes de quantos momentos ruins da minha vida tocou uma música dela e me fez sorrir, mesmo com algo difícil acontecendo. Por isso me chamem de boba, iludida, ou o que mais que for, eu sei o quanto as músicas da Katy já me fizeram uma pessoa melhor, e é também por isso que eu a amo. Feliz dia do fã pra mim, e pra você que é fã de algo ou alguém. Porque não há mal nenhum em admirar e amar, porque admirar na medida certa nos faz bem. ❤

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s