Palavras soltas ao vento: Hoje eu me liberto de todo mal que me fizeram.

Hoje eu acordei do outro lado da vida. Do meu avesso, ou talvez do lado certo. Sorri largo com vontade de sorrir assim pra que passasse. Decidi não cultivar os inimigos em um jardim onde amigos valem ouro. Decidi sorrir pra quem um dia me fez chorar. Decidi que não posso julgar os erros alheios com tantos erros próprios gritando ao meu redor. Decidi que um mero acaso nunca será mesmo acaso, que as coisas são planejadas por alguém maior que todos nós. Decidi deixar o passado atrás e não ao lado, pra me atormentar e me lembrar o quanto já sofri. Decidi que não vale a pena deixar passar reto quando você pode ir até lá e dizer olá, pra mostrar que você é melhor do que pensam. Decidi escolher a paz. Decidi deixar as intrigas, me libertar das perseguições de achar que qualquer indireta é pra mim. Decidi abrir mão dos ferimentos que me causaram, seja quem for. Escolhi fazer a minha parte sem exigir que outro faça a dele. Escolhi um mundo melhor e mais bonito. Escolhi ser leve e assim senti o clima ficar mais leve. Tirei um peso que nunca me pertenceu. O peso de quem julga sem saber. Hoje eu me liberto de todo mal que me fizeram. E sigo livre, de bem com o mundo e principalmente de bem comigo mesma! – Escrito por: Rebeca Chaves

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s